Governo de São Paulo proíbe a caça de animais

29 de junho de 2018

Proteção Animal Mundial participou da cerimônia de sanção da lei que veta essa prática cruel em todo o estado

Na última quinta-feira (28), o Governo de São Paulo deu um passo importante para a proteção dos animais: a sanção do Projeto de Lei (PL) 299/18, que proíbe a prática da caça, em todas as modalidades, de qualquer espécie, sob qualquer pretexto, em todo território paulista.

A cerimônia contou com a participação da Proteção Animal Mundial e outras entidades de proteção animal, além de órgãos governamentais, como o IBAMA.

O PL, de autoria do deputado estadual Roberto Tripoli, também determina que o controle populacional ou manejo de espécies declaradas “nocivas ou invasoras” não poderão ser realizados por pessoas físicas ou jurídicas não governamentais.


Da esquerda para direita: Thais Vignoli (Proteção Animal Mundial), Deputado Roberto Tripoli e João Almeida (Proteção Animal Mundial).

“São Paulo deu um exemplo fundamental ao proibir a caça e evitar a crueldade contra milhares de animais. Agora é muito importante nossa máxima atenção ao projeto que quer liberar a caça no país, que está tramitando no Congresso Nacional. Precisamos impedir que isso aconteça”, afirma João Almeida, Gerente de Vida Silvestre da Proteção Animal Mundial.

Em caso de violação da nova lei, a multa prevista é de R$3.760, podendo esse valor ser triplicado caso o animal caçado pertença a espécies raras ou ameaçadas de extinção ou a caça seja praticada com emprego de método ou instrumento capaz de provocar destruição em massa ou em áreas protegidas ou unidades de conservação.


Entidades de proteção animal e orgãos do governo apoiaram a sanção da lei contra a caça no estado de São Paulo.

Juntos contra o PL da crueldade

Atualmente, a caça é proibida em todo o território nacional, mas um projeto de lei em tramitação no Congresso Nacional pode mudar isso e colocar os animais em risco

Conhecido como PL da caça, o projeto de lei 6268/16, é extremamente perigoso para fauna silvestre de nosso país. Sua aprovação será um verdadeiro retrocesso e uma catástrofe ambiental, trazendo sofrimento aos animais e impactando as gerações futuras. 

A Proteção Animal Mundial é contra o PL da Caça. Enfatizamos que o uso de armas de fogo, armadilhas e cães de caça ameaça todas as espécies – inclusive os cães. A atividade é extremamente cruel com os animais, que frequentemente não morrem na mesma hora; muitos deles têm diferentes partes do corpo feridas e alguns podem agonizar por dias antes de morrer. 

Esse PL está atrelado a grupos que trabalham pela liberação do armamento e defendem interesses comercias que vão contra a proteção da fauna e o bem-estar animal. Sob o falso argumento de conservar espécies nativas e controlar exóticas invasoras, sua aprovação irá anular a Lei de Proteção à Fauna (5.197/67) e enfraquecer as penalidades determinadas pela Lei de Crimes Ambientais (9.605/98). 

Não podemos permitir esse retrocesso. Os animais não têm voz e estão sob perigo iminente! Compartilhe, manifeste-se contra, converse com os deputados de seu estado e peça para que não apoiem um projeto de lei que trará sofrimento aos animais.

Diga não à caça!

"São Paulo deu um exemplo fundamental ao proibir a caça e evitar a crueldade contra milhares de animais."
Categorias: 

Compartilhe

WhatsApp