SP: Vinhedo participa de nosso projeto-piloto em guarda responsável de cães e gatos

06/12/2019

Animais receberam atendimento veterinário e vacinação gratuitos

"Esperamos que o poder público veja que projetos como este são uma forma efetiva e sustentável de levar informação sobre guarda responsável às pessoas"

Nossas equipes visitaram as casas do bairro Vila João XXIII, na cidade de Vinhedo, São Paulo, para registrar, examinar e vacinar cães e gatos, além de levar informações importantes sobre guarda responsável aos tutores. A ação aconteceu até 15 de dezembro.

Mais de 220 residências foram visitadas, com mais de 85 cães registrados (destes, 58 receberam a vacina polivalente V8 e 27 receberam a vacina antirrábica) e 22 gatos atendidos (17 receberam vacina quadrupla felina e 10 a vacina antirrábica).

Os animais também foram registrados no aplicativo CrowdPet, desenvolvido por pesquisadores da Universidade Estadual de Campinas (Unicamp). No sistema, é possível inserir foto e informações do animal e do tutor, junto com seus dados de geolocalização que são registrados de forma automática.

Mariane Marton, membro de nossa equipe, vacina Negão durante visita domiciliar.

“Esperamos que o poder público veja que projetos como este são uma forma efetiva e sustentável de levar informação sobre guarda responsável às pessoas, de manter a população animal controlada e saudável e de diminuir o abandono e os maus-tratos. Queremos mostrar que o conceito de ‘saúde única’ pode ser implementado com sucesso quando os governos se comprometem a longo prazo”, explica Rosangela Ribeiro, nossa gerente de programas veterinários.

Como parte da ação, também realizamos palestras sobre bem-estar animal, guarda responsável e prevenção de mordeduras na Escola Municipal Dr. Abrahão Aun. Mais de 500 crianças receberam a cartilha “ABC do bem-estar animal”, desenvolvida pela vereadora Flavia Bittar, em parceria com a escritora e pedagoga Mariana Penteado.

Loren D’Áprile e Mariane Marton ensinaram crianças a evitar mordeduras de cães.

Compromisso com o bem-estar animal

No dia 5 de dezembro, nossa equipe participou de uma reunião com o prefeito de Vinhedo, Jaime Cruz (PSDB), para apresentar o relatório parcial de nossas atividades. Durante o encontro, o prefeito se mostrou interessado em ampliar o projeto para outros bairros da cidade em 2020, por entender que ele é importante tanto para a saúde dos animais quanto dos humanos.

Nosso projeto-piloto de manejo populacional e guarda responsável de cães e gatos conta com o apoio da Secretaria de Meio Ambiente de Vinhedo e da vereadora Flávia Bittar (PDT).

A cidade já é destaque no estado de São Paulo por suas iniciativas em prol dos animais, entre elas a lei que protege animais comunitários, sancionada em 2018.

Da esquerda para direita: Fabio Piva (Crowdpet), Mariane Marton e Loren D'Áprile (Proteção Animal Mundial), vereadora Flávia Bittar, Juliano Ferragutti (Secretário Municipal de Meio Ambiente e Urbanismo), prefeito Jaime Cruz, Larissa Rossini (Conselho Municipal do Bem-Estar dos Animais de Vinhedo), Rosangela Ribeira (Proteção Animal Mundial), Alessandra Fontanesi (Secretaria Municipal de Meio Ambiente) e Karina Ishida (Proteção Animal Mundial).

Milhões sofrem nas ruas

Apesar de serem tão importantes para as pessoas, milhares de cães em todo o mundo vivem em condição de abandono. Somente no Brasil, estima-se que 30 milhões de cães não tenham um lar.

A ausência de políticas públicas e de guarda responsável por parte dos tutores agravam os problemas de abandono, excesso populacional, maus-tratos e zoonoses.

O abandono causa muito sofrimento. Sozinhos nas ruas, os animais passam fome, adoecem, são atropelados, envenenados e ficam vulneráveis a todo tipo de violência.

Ajude a combater essa crueldade.

O abandono de animais é crime. Saiba como denunciar.