Veja fotos: ajudamos 160 mil animais ameaçados por “dzud” na Mongólia

30 de março de 2016

Fenômeno natural cobriu 90% do país com neve, devastando as pastagens e causando abortos entre o gado

O “dzud” já dura meses. Nossa equipe de atendimento emergencial continua no país asiático, onde o frio extremo vem causando estragos desde o fim de 2015.

Porém, graças ao seu apoio, conseguimos ajudar 160.000 animais.

A ação vem sendo realizada junto com o governo local, a Cruz Vermelha e a IFRC. Entre as espécies beneficiadas estão ovelhas, cabras, vacas, cavalos e camelos. Ficamos felizes em compartilhar fotos de alguns dos animais ajudados:

Esta cabra (acima) estava com tanto frio e tão fraca que já não caminhava. Nossa equipe a levou para um local seco, junto com um grupo de veterinários locais, que ofereceram atendimento veterinário. Ela teve suas patinhas esfregadas até estar aquecida o suficiente para se levantar sozinha e se juntar ao rebanho.

Entenda por que o "dzud" é tão cruel com os animais!

Durante a ação, nossa equipe visitou ainda a propriedade de Oyundalai, que cria três filhos sozinha – a Oyun (12 anos), o pequeno Sainjargal (3 anos) e a caçula Otgon (1 ano).

A filha mais velha ajuda a mãe a cuidar do pequeno rebanho da família. São 5 ovelhas e 5 vacas. Os animais ganharam um novo abrigo contra o frio (acima), construído com lona e outros materiais fornecidos pela World Animal Protection.

Algumas famílias chegavam a levar os animais mais jovens para dentro de seus “yurts” – uma casa típica da Mongólia.

Entre elas está a família da Enkhjargal, que vive com seu marido Boldbaator, a sua irmã Otgontsetseg e seus três filhos. Eles mantêm os cabritinhos dentro de casa (abaixo), protegidos do frio. E os levam para mamar do lado de fora durante o dia.

Todas essas famílias tiveram seus animais atendidos pela equipe da World Animal Protection, com o apoio de uma equipe de veterinários locais.

Incluindo a família do pequeno Bazarragcha (abaixo), de 5 anos. Ele e seu pai, Tumenmyagmar, conhecem cada um dos filhotinhos da propriedade. Conversando com a equipe, indicaram as cabras que eram mães de cada cabrito.   

O seu apoio é fundamental para nosso trabalho. Acompanhe a World Animal Protection no Facebook e no Twitter para receber atualizações sobre os esforços da nossa equipe em desastres naturais.

Confira mais fotos aqui:

Entre as espécies impactadas estão ovelhas, cabras, vacas, cavalos e camelos

Compartilhe

WhatsApp