Condições inaceitáveis

Turquia, Rússia e China são apenas alguns dos países que já utilizam gaiolas para frangos de corte. Em média, dois frangos têm que compartilhar um espaço equivalente a uma folha de papel A4, mal podendo se mover durante suas vidas curtas e miseráveis.

Gaiolas de aço inoxidável, geralmente empilhadas umas em cima das outras, tornam impossível que esses animais inteligentes expressem seus comportamentos naturais, como explorar o ambiente, ciscar e se empoleirar. Superlotação, falta de luz natural e taxas de crescimento acelerado causam estresse, problemas locomotores e outras enfermidades. Alguns frangos ficam doentes demais para sequer se manterem de pé.

Esse tipo de gaiola está proibida na União Europeia e ainda não está em uso no Brasil - embora o sistema já esteja sendo oferecido a produtores e empresas por aqui. Porém, muitos países ao redor do mundo utilizam esse sistema ou importam carne de frangos que foram criados dessa forma.

Você pode ajudar a acabar com esse sofrimento secreto. Assine nossa petição e exija que gigantes do fast-food se comprometam a não servir carne de frangos criados em gaiolas em os seus restaurantes.

Assine nossa petição

Peça que as grandes redes de fast-food KFC, Burger King, Pizza Hut, Domino’s, Starbucks, Nando’s e Subway se comprometam a nunca servir, em todos os seus restaurantes ao redor do mundo, carne de frangos criados em gaiolas.

Uma vida de sofrimento secreto

Um frango é abatido, normalmente, com apenas 42 dias de vida.Os frangos modernos são selecionados geneticamente para crescer tão rápido que suas pernas, corações e pulmões, muitas vezes, precisam se esforçar para acompanhar o ritmo. Enfermidades nas pernas e ossos, problemas respiratórios e estresse são comuns.

Essa taxa de crescimento, acelerada para gerar lucro, tem um custo enorme para o bem-estar dos frangos.

McDonald’s: dando o exemplo

Recentemente, o McDonald's confirmou que não vende carne de frangos criados em gaiolas em seus restaurantes ao redor do mundo. É ótimo ver um gigante do fast-food dar o primeiro passo para melhorar a vida dos frangos de corte.

Se o McDonald's pode fazer isso, por que KFC, Burger King, Pizza Hut, Domino’s, Starbucks, Nando’s and Subway não podem?.

Ajude a fazer uma mudança global pelos frangos

A pressão para garantir que as redes de fast-food apoiem o bem-estar animal precisa vir de pessoas como você.

As gaiolas não são lugar para os frangos. Não deixe que eles sofram secretamente. Por favor, assine agora nossa petição e peça que KFC, Burger King, Pizza Hut, Domino’s, Starbucks, Nando’s e Subway se comprometam a não servir em seus restaurantes carne de frangos criados em gaiolas.

Compartilhe